30 de março de 2016

Gretchen e Thammy Miranda vão processar Marco Feliciano

 

Gretchen e Thammy Miranda pretendem processar o deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP). A razão é pelas declarações feitas pelo deputado ao ao programa SuperPop, da RedeTV!, na segunda-feira, 29.
A assessoria de imprensa da dupla divulgou um comunicado alegando que o político foi agressivo e preconceituoso ao falar sobre a vida de mãe e filho.
“Comunicamos que a cantora Gretchen e seu marido encontram-se em gravação de um reality show de outra emissora [Rede Record], mas informamos que nossos advogados já foram acionados na manhã de hoje, para que medidas judiciais sejam tomadas imediatamente em relação as declarações de Marco Feliciano no programa”, dizia trecho da nota.
Os representantes de Thammy destacaram ainda que ele não se manifestará porque há alguns dias postou em suas redes sociais um vídeo relacionado ao assunto.
Na atração sensacionalista, Feliciano afirmou que não concorda com o fato de Thammy ter feito uma cirurgia para retirada dos seios, relacionando o episódio com outras mulheres que fazem mastectomia porque têm câncer.
“O que ela fez, não devia ter feito. Uma pessoa não pode pegar a sua alegria pessoal e tentar transformar isso em uma doutrina para as outras pessoas. Ela tirou os seios e fez uma apologia tão grande. Ela quer arrancar a orelha, o dedinho, arranca! O problema é divulgar isso na mídia”, disse.
O político ainda questionou o suposto sofrimento pelo qual Thammy teria passado na infância e detonou a mãe do rapaz. “Vou te falar o que é sofrimento de verdade. Quem tem crise existencial é só filho de rico. Filho de pobre tem que acordar 4h da manhã, ir para a roça, pegar dois, três, quatro ônibus para colocar pão dentro de casa. Agora, que deve ter sido sofrimento mesmo é uma pessoa ser criada por uma mãe que ganhou a vida rebolando, fazendo filme pornográfico”, alfinetou.
E ironizou: “Criou os filhos honestamente rebolando, honestamente fazendo filme pornô, honestamente casando 17 vezes”.

Comente com o Facebook:

Write comentários